Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(Reuters) - As inundações no norte de Chicago podem piorar, neste sábado, à medida que os rios continuam a subir, após chuvas torrenciais no início da semana que danificaram milhares de casas e provocaram enxurradas nas ruas, informaram autoridades.

O governador do estado de Illinois, Bruce Rauner, declarou estado de emergência para os condados de Lake, McHenry e Kane e prometeu apoio do governo estadual para as pessoas cujas propriedades e casas foram danificadas ou destruídas.

Milhares de lares foram afetados pelas inundações após tempestades despejarem mais de 18 centímetros de chuva na região na terça e quarta-feira, afirmou Patti Thompson, a porta-voz da Agência de Gerenciamento de Emergências de Illinois.

A extensão completa dos danos ainda não é conhecida, mas os subsolos das casas foram inundados e algumas estruturas podem ter sido mais danificadas, disse Thompson. Não foram relatados ocorrências de mortos ou feridos.

"Até a água baixar, é difícil ter um número consolidado", disse Thompson pelo telefone. "Ainda temos mais alguns dias em que veremos os níveis da água subindo nestas regiões".

Apenas no condado de Lake, que abrange o subúrbio afluente de Chicago chamado Highland Park, 2.100 estruturas foram submersas e outras 5.800 podem ter sido inundadas, de acordo com autoridades em uma coletiva de imprensa.

Água e lama atingiram casas e cobriram estradas nas comunidades da Praia Round Lake, Des Plaines e Lincolnshire, e moradores atravessaram com água na altura dos joelhos, de acordo com fotos publicadas pelo jornal Chicago Tribune.

Alguns rios atingiram níveis recorde de alta, informaram as autoridades.

(Por Alex Dobuzinskis)

Reuters