Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Avião de combate francês "Super Étendard" é visto em Manama, Barein 31/12/2015 REUTERS/Kenzo Tribouillard

(reuters_tickers)

BUENOS AIRES (Reuters) - A França vendeu cinco aviões de combate usados ​​"Super Étendard" à Argentina, que conta com uma frota militar obsoleta e organizará eventos internacionais nos próximos anos, disse à Reuters na terça-feira o embaixador francês em Buenos Aires.

O acordo dos aviões foi negociado durante conversas sobre a venda de quatro barcos da empresa francesa Naval Group à Argentina, afirmou Pierre Henri Guignard em uma entrevista.

"Acabamos de ceder cinco aviões caça Super Étendard que são um pouco antigos, mas que são importantes para eles (argentinos)", disse Guignard.

"É um montante um pouco simbólico, já que não são aparatos novos, mas permitirão à Argentina continuar usando os Super Étendard e, em particular antes do G-20, poder ter alguns aparatos que são operacionais", acrescentou.

A cúpula dos 20 maiores países industrializados e em desenvolvimento será realizada no final de 2018 na Argentina, e em dezembro Buenos Aires será o anfitrião da conferência ministerial da Organização Mundial do Comércio (OMC).

O Ministério da Defesa da Argentina disse que não podia comentar sobre o acordo de imediato.

A mídia local estimou que a operação custará o equivalente a cerca de 13,9 milhões de dólares.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters