MOSCOU (Reuters) - O primeiro-ministro da Rússia, Dmitry Medvedev, anunciou nesta quarta-feira que o gabinete ministerial liderado por ele estava renunciando para dar ao presidente Vladimir Putin espaço para realizar as mudanças que deseja fazer na Constituição.

Medvedev fez o anúncio na TV estatal ao lado de Putin, que lhe agradeceu pelo trabalho prestado.

(Por Maria Tsvetkova e Maria Kiselyova)

Palavras-chave

Neuer Inhalt

Horizontal Line


Teaser Instagram

Siga-nos no Instagram

Siga-nos no Instagram

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.