Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

PARIS (Reuters) - A França disse nesta quinta-feira que está preparada para apoiar as forças da região autônoma curda do norte do Iraque e deter o avanço de militantes do Estado Islâmico, mas não deu detalhes sobre como isso seria concretizado.

O presidente francês, François Hollande, falou por telefone com Masoud Barzani, o presidente da região curda, e ambos concordaram com a cooperação, disse em comunicado o gabinete de Hollande.

"Eles enfatizaram sua vontade de cooperar para bloquear a ofensiva do Estado Islâmico no nordeste do Iraque", disse. "O chefe de Estado confirmou que a França está pronta para apoiar forças engajadas neste combate."

Autoridades turcas afirmaram na quinta-feira que milhares de iraquianos, a maioria da minoria étnica yazidis, fugiram para a fronteira turca devido ao avanço de combatentes do Estado Islâmico em áreas controladas por iraquianos curdos. (Reportagem de Michel Rose)

((Tradução Redação Rio de Janeiro; +55 21 2223-7148))REUTERS MPP

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

Reuters