Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

GAZA (Reuters) - O grupo palestino islâmico Hamas disse que o reconhecimento do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de Jerusalém como a capital de Israel e a decisão de transferir a embaixada dos EUA para a cidade são uma "flagrante agressão contra o povo palestino".

Em um discurso em Washington, Trump disse que seu anúncio marcou o início de uma nova abordagem para o conflito entre israelenses e palestinos.

O Hamas, que domina a Faixa de Gaza, conclamou árabes e muçulmanos a "enfraquecerem os interesses dos Estados Unidos na região" e a "marginalizarem Israel".

(Por Ori Lewis)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters