Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Líder do grupo libanês Hezbollah, Sayyed Hassan Nasrallah, durante pronunciamento televisionado em Baalbek, no Líbano 25/05/2017 REUTERS/Hassan Abdallah

(reuters_tickers)

BEIRUTE (Reuters) - O grupo libanês Hezbollah, importante aliado do governo sírio, declarou vitória na guerra da Síria e disse que os confrontos remanescentes são apenas "batalhas dispersas", afirmou nesta terça-feira um jornal pró-Hezbollah.

As declarações do líder do Hezbollah, Sayyed Hassan Nasrallah, marcam uma das avaliações mais confiantes até agora pelo lado governista, à medida que as forças aliadas ao regime sírio recuperam partes de território no leste da Síria, em uma rápida ofensiva contra o Estado Islâmico.

Referindo-se aos adversários do presidente sírio, Bashar al-Assad, Nasrallah disse, durante encontro religioso: "O caminho do outro projeto falhou e quer negociar alguns ganhos", de acordo com o jornal Al-Akhbar.

"Nós ganhamos a guerra (na Síria)... e o que resta são batalhas dispersas", disse Nasrallah, cujo grupo apoiado pelo Irã tem enviado milhares de combatentes à Síria para apoiar Assad.

Uma fonte com conhecimento do discurso de Nasrallah confirmou a informação do jornal al-Akhbar.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters