Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

BEIRUTE (Reuters) - O líder do Hezbollah, Sayyed Hassan Nasrallah, disse nesta sexta-feira que uma futura guerra travada por Israel contra a Síria ou o Líbano poderia envolver milhares de combatentes de países como Irã, Iraque e Iêmen.

"O inimigo israelense precisa saber que se uma guerra israelense for lançada contra Síria ou Líbano, não se sabe se os combates permanecerão entre libaneses e israelenses ou sírios e israelenses. Isso não significa que há Estados que possam intervir diretamente", disse.

"Mas isso pode abrir o caminho para milhares, mesmo centenas de milhares de combatentes de todo o mundo árabe e islâmico para participar", acrescentou Nasrallah, em um discurso televisionado.

(Reportagem de John Davison)

Reuters