Reuters internacional

Polícia é vista na frente da arena Manchester 22/5/2017 REUTERS/Jon Super

(reuters_tickers)

WASHIGNTON (Reuters) - Sinais iniciais apontam para um homem-bomba como a causa de uma explosão em um show de música em Manchester, na Inglaterra, que matou 19 pessoas e feriu 50, disseram duas autoridades dos Estados Unidos que falaram sob condição de anonimato nesta segunda-feira.

A polícia britânica disse estar tratando a explosão no show da cantora norte-americana Ariana Grande como um "incidente terrorista".

(Reportagem de Mark Hosenball)

Reuters

 Reuters internacional