Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

DUBAI (Reuters) - Um homem tentou atear fogo ao próprio corpo com gasolina na segunda-feira ao lado da Kaaba, prédio em formato de cubo reverenciado por muçulmanos, dentro da Grande Mesquita de Meca, mas foi preso antes que pudesse completar o ato, informou a polícia da Arábia Saudita.

"Suas ações sugerem que ele é doente mental", informou o serviço policial da mesquita em comunicado, acrescentando que a polícia iria tomar medidas sobre o incidente. A polícia informou que o homem tinha por volta de 40 anos.

Um vídeo circulando nas redes sociais mostrava um homem sendo empurrado da Kaaba por peregrinos e guardas da segurança. A Reuters não pôde verificar de forma independente as filmagens.

(Reportagem de William Maclean)

Reuters