Reuters internacional

Imigrantes carregam seus pertences enquanto passam pela placa que delimita o limite da cidade de Calais, na França. 25/10/2016 REUTERS/Philippe Wojazer

(reuters_tickers)

LILLE, França (Reuters) - O motorista de uma van morreu nesta terça-feira após colisão em uma estrada perto do porto francês de Calais, onde imigrantes haviam bloqueado uma via com troncos de árvores, informou uma autoridade do governo.

Há anos Calais tem sido um ponto de passagem para imigrantes do Oriente Médio e da África tentando chegar no Reino Unido ilegalmente. No ano passado o governo francês fechou um campo improvisado conhecido como "Selva", que abrigava milhares de imigrantes, mas um grande número retornou para a área.

Muitos deles se agrupam na beira de estradas ou ao longo da linha ferroviária que passa pelo Eurotúnel, que liga o Reino Unido à França, tentando se esconder na parte de trás de caminhões ou entrar em trens.

"Nove imigrantes eritreus encontrados em um dos caminhões de mercadorias pesadas parados pelo bloqueio da via foram presos", disse a autoridade da região de Pas-de-Calais. "Eles foram levados sob custódia".

A van registrada na Polônia pegou fogo quando colidiu com caminhões parados no local. A nacionalidade do motorista não foi informada de imediato.

Imigrantes frequentemente tentam parar caminhões que passam por Calais destinados ao Reino Unido, jogando galhos ou outros objetos nas estradas para reduzir a velocidade ou parar os veículos para que possam entrar no compartimento de carga e se esconder.

Uma fonte da polícia disse que houve um aumento desse tipo de incidente nas últimas semanas.

(Reportagem de Pierre Savary)

Reuters

 Reuters internacional