Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Vista geral da usina nuclear francesa de Flamanville. 08/04/2011 REUTERS/Benoit Tessier/File photo

(reuters_tickers)

PARIS (Reuters) - Um incêndio causou uma explosão na usina nuclear francesa de Flamanville, da companhia estatal EDF, levando a empresa a retirar o reator do sistema, mas não há risco de vazamento nuclear, disseram nesta quinta-feira a EDF e uma autoridade do governo local.

A EDF informou em comunicado que um incêndio em uma sala de máquinas causou a explosão em uma área "não nuclear" da usina, que está localizada no norte da França.

A companhia acrescentou que o incêndio foi controlado pela equipe local e que o reator número 1 foi retirado de sistema.

A EDF informou que não houve feridos, mas cinco pessoas foram afetadas pela fumaça.

Os reatores 1 e 2 de Flamanville, que têm capacidade de geração elétrica de 1.300 megawatts cada, foram construídos na década de 1980. Um novo reator está sendo construído no local, mas a explosão não foi nessa área, disse uma porta-voz.

A autoridade de segurança nuclear da França disse não ter informações e não comentou o incidente de imediato.

(Reportagem de Marine Pennetier, Andrew Callus e Bate Felix)

Reuters