Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Bandeira da Agência Internacional de Energia Atômica em frente à sede da entidade em Viena 12/06/2017 REUTERS/Heinz-Peter Bader

(reuters_tickers)

VIENA (Reuters) - O Irã manteve suas atividades nucleares dentro dos principais limites impostos pelo acordo que fechou em 2015 com seis potências mundiais, mostrou um relatório do órgão de monitoramento atômico da Organização das Nações Unidas (ONU) nesta quinta-feira.

O relatório foi o terceiro desde a posse do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que chamou o acordo, estabelecido durante o mandato de seu predecessor Barack Obama, do "pior acordo já negociado".

O estoque do Irã de urânio com baixo índice de enriquecimento era de 88,4 kg no dia 21 de agosto, bem abaixo do limite de 202,8 kg, e o nível de enriquecimento não ultrapassou o teto de 3,67 por cento, de acordo com o relatório da Agência Internacional de Energia Atômica visto pela Reuters.

O estoque do Irã da chamada água pesada, um moderador usado em um tipo de reator que pode produzir plutônio era de 111 toneladas, menos do que o limite de 130 toneladas acordado pelos envolvidos no acordo.

(Reportagem de Shadia Nasralla)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters