Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

JERUSALÉM (Reuters) - Israel afirmou no domingo que não vai permitir a entrada do ex-presidente peruano Alejandro Toledo, acusado de corrupção, enquanto sua situação não for resolvida no Peru.

O Peru foi informado pelos Estados Unidos que não pretendiam barrar o embarque de Toledo em um voo da Califórnia para Israel, programado para chegar neste domingo a Tel Aviv.

"O ex-presidente Toledo só terá entrada permitida em Israel quando suas questões forem resolvidas no Peru", disse um porta-voz do Ministério de Relações Exteriores, sem dar mais detalhes.

Depois que o voo decolou, não estava claro se Toledo embarcou ou não.

(Por Maayan Lubell)

Reuters