Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Ministro da Economia da Itália, Pier Carlo Padoan. 18/01/2017 REUTERS/Ruben Sprich

(reuters_tickers)

BRUXELAS (Reuters) - Os sinais de que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, está disposto a adotar polícias comerciais protecionistas causam preocupação e prejudicariam a Europa, disse o ministro da Economia da Itália, Pier Carlo Padoan, nesta sexta-feira.

Falando a repórteres depois de uma reunião com outros ministros europeus em Bruxelas, Padoan disse ver positivamente a intenção de Trump de estimular a economia norte-americana, mas afirmou que as primeiras indicações de suas políticas para o comércio têm "aspectos muito preocupantes".

"Se o protecionismo realmente se instaurar nos Estados Unidos, isso prejudicaria a Europa", afirmou Padoan.

Sobre as finanças públicas italianas, o ministro disse que "seria um grande problema para a Itália" se a discórdia atual entre Roma e a Comissão Europeia levasse Bruxelas a empregar um procedimento formal para obrigar o governo a fazer cortes maiores em seu déficit.

Reuters