TÓQUIO (Reuters) - O Japão está considerando realizar uma cúpula entre o primeiro-ministro Shinzo Abe e o líder norte-coreano, Kim Jong Un, para discutir o caso de cidadãos japoneses sequestrados por agentes da Coreia do Norte décadas atrás, afirmou nesta terça-feira uma fonte do governo japonês informada sobre o assunto.

A fonte pediu para não ser identificada porque não tem autorização para falar com a mídia. Um porta-voz do gabinete do primeiro-ministro japonês não comentou de imediato.

Abe tornou os sequestros um ponto essencial de sua carreira política, e disse que não irá descansar até que todos os 13 cidadãos que a Coreia do Norte admitiu ter sequestrado voltem para casa e que o país divulgue informações sobre os outros que o Japão suspeita terem sido levados para treinar espiões norte-coreanos.

(Reportagem de Nobuhiro Kubo)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.