Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Assessor do Kremlin Andrei Belousov em fórum em Moscou. 15/01/2015 REUTERS/Maxim Shemetov

(reuters_tickers)

MOSCOU (Reuters) - O acordo do clima de Paris é impraticável sem a participação dos Estados Unidos, disse o assessor do Kremlin Andrei Belousov nesta sexta-feira, segundo a agência de notícias RIA.

Na quinta-feira, o presidente norte-americano, Donald Trump, anunciou que os Estados Unidos vão sair do acordo de 2015 que tem como objetivo combater as mudanças climáticas.

Trump disse que o acordo de Paris prejudicaria a economia dos Estados Unidos, custaria empregos no país, enfraqueceria a soberania nacional norte-americana e colocaria o país em permanente desvantagem em relação às outras nações do mundo.

A Rússia já assinou, mas ainda não ratificou o acordo de Paris.

Ainda segundo a agência de notícias RIA, o vice-primeiro-ministro russo, Arkady Dvorkovich, disse nesta sexta-feira que a Rússia não vai alterar sua decisão de participar do acordo, mesmo com a saída dos Estados Unidos.

(Reportagem de Alexander Winning)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters