Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

GAZA (Reuters) - O novo chefe do grupo islâmico palestino Hamas, Ismail Haniyeh, chegou no Cairo no sábado para conversar com altos funcionários egípcios sobre o bloqueio de Gaza em sua primeira visita como líder, disse um porta-voz do Hamas.

Nos últimos meses, o Hamas procurou consertar as relações com o Egito, que controla seu único cruzamento de fronteira internacional da Faixa de Gaza. O presidente egípcio, Abdel Fattah al-Sisi, tem desconfiado dos laços entre o Hamas e a Irmandade Muçulmana, retirada do poder por Sisi após protestos em massa.

O Hamas controla a Faixa de Gaza, um território costeiro densamente povoado que compartilha fronteiras com o Egito e Israel, com o qual lutou três guerras desde 2008.

Durante boa parte da última década, o Egito apoiou Israel em um bloqueio parcial de Gaza por terra, ar e mar.

O porta-voz do Hamas, Fawzi Barhoum, disse que as negociações com o Egito terão como foco aliviar o bloqueio e consertar uma longa rixa com o Fatah, grupo rival liderado pelo presidente palestino, Mahmoud Abbas, que é apoiado pelo ocidente.

Uma fonte egípcia confirmou a chegada de Haniyeh com uma delegação para conversas sobre o cruzamento de fronteiras, segurança e fornecimento de energia elétrica. 

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters