WATFORD, Inglaterra (Reuters) - Os líderes da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) disseram nesta quarta-feira que as "agressivas ações" da Rússia eram uma ameaça à segurança da Europa e do Atlântico e que a crescente influência da China apresentava oportunidades e desafios para a aliança.

Em um comunicado divulgado após uma breve reunião perto de Londres, os 29 líderes reafirmaram o "duradouro vínculo transatlântico" entre a Europa e a América do Norte, além do acordo mútuo de defesa entre eles, de acordo com o qual um ataque contra um significa atacar todos.

Os líderes também convidaram o secretário-geral da Otan a iniciar um processo de reflexão sobre o futuro da aliança.

(Por John Chalmers)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


Teaser Instagram

Siga-nos no Instagram

Siga-nos no Instagram

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.