Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Maduro ordena reabertura de consulado da Venezuela em Miami em preparação para eleição

Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, durante cerimônia no Supremo Tribunal de Justiça, em Caracas 14/02/2018 REUTERS/Marco Bello

(reuters_tickers)

CARACAS (Reuters) - O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, disse na quarta-feira que ordenou a reabertura do consulado do país em Miami para que eleitores venezuelanos na cidade norte-americana possam se registrar antes da polêmica eleição presidencial prevista para 22 de abril.

O ex-presidente Hugo Chávez, antecessor de Maduro que morreu em 2013, fechou o consulado em Miami em 2012 dias depois que a responsável pela delegação diplomática venezuelana na cidade foi expulsa dos Estados Unidos após ser acusada de conspiração.

"Eu dei a instrução ao chanceler para que proceda de imediato a abrir o consulado de Miami para que todos os venezuelanos se inscrevam no registro eleitoral permanente", disse Maduro, durante cerimônia no Supremo Tribunal de Justiça.

A decisão de Chávez há seis anos deixou milhares de venezuelanos que viviam no Estado norte-americano da Flórida sem representação consular, e fez com que muitos precisassem viajar a outros Estados para votar na eleição presidencial de outubro de 2012, na qual Chávez disputou e ganhou.

(Reportagem de Deisy Buitrago)

Palavras-chave

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.