Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

MANCHESTER, Inglaterra (Reuters) - Entoando “dane-se o Brexit” e acenando com as estrelas douradas da bandeira da União Europeia, milhares de manifestantes marcharam por Manchester no domingo em direção à conferência anual do Partido Conservador para exigir que o Reino Unido permaneça na UE.

Sob forte presença policial na cidade do norte da Inglaterra, manifestantes pediram que a primeira-ministra, Theresa May, para que adote laços mais fortes com a Europa. O país votou por 52 a 48 por cento em um referendo no ano passado para deixar o bloco, mas as negociações com Bruxelas têm progredido lentamente.

Paolo Orrigo, 51, diretor administrativo de uma empresa que importa produtos da Itália, disse que votou nos conservadores a vida toda, mas que agora estava favorecendo o partido pró-Europa, os Democratas Liberais.

“Como eu posso importar produtos com as tarifas da OMC”, disse ele à Reuters. “Nós já estamos vendo os efeitos. O Brexit é uma casa construída sobre a areia, vai se desmoronar.”

“Theresa May é um zumbi. Ela não vai durar.”

May tentará afirmar sua autoridade no partido e no gabinete durante a conferência de quatro dias, após ter perdido sua maioria parlamentar em uma aposta eleitoral fracassada em junho.

(Por Guy Faulconbridge)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters