Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

MANCHESTER, Inglaterra (Reuters) - Entoando “dane-se o Brexit” e acenando com as estrelas douradas da bandeira da União Europeia, milhares de manifestantes marcharam por Manchester no domingo em direção à conferência anual do Partido Conservador para exigir que o Reino Unido permaneça na UE.

Sob forte presença policial na cidade do norte da Inglaterra, manifestantes pediram que a primeira-ministra, Theresa May, para que adote laços mais fortes com a Europa. O país votou por 52 a 48 por cento em um referendo no ano passado para deixar o bloco, mas as negociações com Bruxelas têm progredido lentamente.

Paolo Orrigo, 51, diretor administrativo de uma empresa que importa produtos da Itália, disse que votou nos conservadores a vida toda, mas que agora estava favorecendo o partido pró-Europa, os Democratas Liberais.

“Como eu posso importar produtos com as tarifas da OMC”, disse ele à Reuters. “Nós já estamos vendo os efeitos. O Brexit é uma casa construída sobre a areia, vai se desmoronar.”

“Theresa May é um zumbi. Ela não vai durar.”

May tentará afirmar sua autoridade no partido e no gabinete durante a conferência de quatro dias, após ter perdido sua maioria parlamentar em uma aposta eleitoral fracassada em junho.

(Por Guy Faulconbridge)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.










Reuters