Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Melania e Trump em cerimônia nos EUA. 20/1/2017. REUTERS/Lucy Nicholson

(reuters_tickers)

Por Jill Serjeant

(Reuters) - A futura primeira-dama norte-americana, Melania Trump, escolheu um bolero azul-bebê da Ralph Lauren e um vestido combinando nesta sexta-feira, optando por um dos estilistas mais emblemáticos para a cerimônia do dia da posse nos Estados Unidos.

O traje Ralph Lauren, usado com luvas compridas e sapatos de salto stiletto, evoca uma vibe dos anos 1960 e impressionou os fashionistas.

O Womens Wear Daily disse que o traje desencadeou comparações com ex-primeira-dama Jacqueline Kennedy, considerada um ícone de estilo.

Os observadores de estilo concordaram, postando fotos de arquivo de Jackie Kennedy em um figurino azul semelhante para a posse do marido em 1961, e elogiando Melania.

"Foi muito Jackie", disse Joe Zee, editor-chefe do Yahoo Style.

"Tão linda e elegante! Estou orgulhosa dela!", escreveu Theodora West no Twitter.

O traje do dia da posse de Melania Trump era motivo de muita especulação depois que Tom Ford, Marc Jacobs e outros estilistas disseram publicamente que não vestiriam a primeira-dama para a ocasião porque se opuseram a seu marido, Donald Trump.

Ralph Lauren, de origem nova-iorquina, no entanto, foi o estilista escolhido por Melania Trump. Ironicamente, Lauren também foi o estilista dos terninhos de várias cores que se tornou a assinatura da candidata democrata Hillary Clinton.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters