Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Bana Alabed durante entrevista com à Reuters em Ancara, na Turquia. 22/12/2016 REUTERS/Umit Bektas

(reuters_tickers)

Por Lin Taylor

LONDRES (Thomson Reuters Foundation) - Uma menina síria de 8 anos que chamou a atenção do mundo com suas atualizações no Twitter da cidade sitiada de Aleppo foi nomeada nesta segunda-feira uma das pessoas mais influentes da internet pela revista Time.

Também apareceram na lista deste ano a autora britânica J.K. Rowling, a cantora pop Rihanna, a celebridade Kim Kardashian e o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

A revista monta sua lista anual com base nas pessoas com influência global nas redes sociais e na geração de manchetes de notícias.

Com a ajuda de sua mãe Fatemah, que gerencia a conta @AlabedBana no Twitter, Bana Alabed publicou fotos e vídeos da vida durante a guerra da Síria, ganhando cerca de 365 mil seguidores na rede social desde setembro do ano passado.

"Eu não posso sair por causa do bombardeio, por favor parem de nos bombardear", escreveu Bana quando entrou pela primeira vez no Twitter, no dia 24 de setembro de 2016.

"Aleppo é uma cidade muito boa, mas nós precisamos de paz. Eu quero viver como uma criança, mas em vez disso agora eu estou estressada", escreveu.

No último mês de dezembro, Bana, que tinha 7 anos na época, e sua família foram retirados com segurança da parte controlada por rebeldes de Aleppo e levados para a Turquia, onde foram recebidos pelo presidente turco, Tayyip Erdogan, em seu palácio.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters