Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

SÃO PAULO (Reuters) - O Mercosul decidiu suspender indefinitivamente a Venezuela do bloco --formado também por Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai-- e fez um apelo para que o país inicie uma transição política imediata.

Em comunicado, o Mercosul diz que a Venezuela violou a ordem constitucional e que a suspensão seguirá até que os presos políticos sejam libertados, a Assembleia Constituinte dissolvida e a democracia restaurada no país.

(Reportagem de Silvio Cascione)

Reuters