Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

MOSCOU (Reuters) - Milhares de moscovitas se juntaram a um protesto no centro da capital russa neste domingo contra os planos do governo de realocar milhões de cidadãos dos apartamentos de má qualidade construídos na era soviética.

O projeto de lei de renovação quer remover alguns moscovitas para apartamentos modernos, mas também alimentou preocupações sobre direitos de propriedade, um ano após as autoridades municipais terem causado um tumulto entre os pequenos negócios ao arrasarem muitos quiosques de rua.

Os moradores de Moscou também estão preocupados sobre a localização e a qualidade das novas acomodações planejadas, falta de serviços e infraestrutura e ameaças que o desenvolvimento pode representar para patrimônios históricos da capital russa.

(Reportagem de Sveta Reiter, Anastasia Teterevleva and Kira Zavyalova)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters