Reuters internacional

Mulher coloca flores para vítimas de ataque na Arena de Manchester, na Inglaterra. 23/05/2017 REUTERS/Darren Staples

(reuters_tickers)

LONDRES (Reuters) - Diversas pessoas continuam em estado grave e mais de uma dezena de crianças foram hospitalizadas após um ataque a bomba em Manchester que matou 22 pessoas e feriu dezenas em um show da cantora norte-americana Ariana Grande, disseram autoridades médicas nesta terça-feira.

"Há um número de indivíduos que possuem ferimentos muito, muito graves e estão necessitando de tratamento intensivo e pessoas que vão ficar no hospital por um longo período em termos de tratamento", disse Jon Rouse, diretor do Health and Social Care Partnership, em Manchester.

"Doze crianças foram para o hospital infantil Royal Manchester... O outro hospital recebeu principalmente adultos e houve feridos que foram para centros diferentes, alguns dos quais teriam sido crianças", disse o diretor do Serviço Médico de Ambulância do Noroeste David Ratcliffe.

(Reportagem de Costas Pitas)

Reuters

 Reuters internacional