Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Primeira-ministra britânica, Theresa May, durante pronunciamento em frente à residência oficial na rua Downing Street em Londres. 23/05/2017 REUTERS/Neil Hall

(reuters_tickers)

LONDRES (Reuters) - A primeira-ministra britânica, Theresa May, disse nesta quinta-feira que o nível de ameaça no Reino Unido vai continuar "crítico", após um ataque suicida em um local de shows em Manchester na segunda-feira.

O nível de ameaça foi elevado para crítico, o nível máximo, na terça-feira, pela primeira vez em 10 anos.

"O nível de ameaça, como avaliado pelo centro independente de análise conjunta de terrorismo, vai continuar crítico e o público deve continuar vigilante", disse May após um encontro do comitê de resposta de emergência do governo.

(Reportagem de Kylie MacLellan)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters