Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(Reuters) - Nacionalistas brancos se reuniram no sábado em Charlottesville, no Estado norte-americano da Virgínia, onde violentos confrontos em agosto levaram à morte de uma mulher atropelada por um carro.

Liderados por Richard Spencer, ativista conhecido como "Alt-Right", alguns nacionalistas carregavam tochas e se reuniram no Emancipation Park, perto de uma estátua coberta do general confederado Robert E. Lee, cuja remoção foi bloqueada por um tribunal.

Spencer publicou um video no Twitter mostrando o protesto em que os contrários à remoção da estátua de Lee entoavam "Você não nos substituirá" e "Nós estaremos de volta".

O prefeito de Charlottesville, Mike Signer, respondeu irritado com um tuíte dizendo aos manifestantes para que voltassem a suas casas.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters