Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

MOSCOU (Reuters) - Oito soldados morreram e dois ficaram feridos nesta segunda-feira quando munições explodiram em um depósito de armas na Rússia, após 10 dias de uma série de explosões no mesmo complexo, informou o Ministério da Defesa.
As explosões aconteceram no Arsenal 31 na cidade russa de Ulyanovsk, onde recentemente outra explosão iluminou o céu por várias horas e forçou a retirada de três mil pessoas.
"Oito pessoas morreram e duas ficaram feridas enquanto carregavam munições para o desmantelamento", disse um porta-voz do Ministério da Defesa sobre o incidente desta segunda-feira.
A explosão destruiu um caminhão carregado com munições espalhadas pela explosão anterior, informou a agência de notícias Interfax.
Testemunhas afirmaram que não escutaram as detonações no centro de Ulyanovsk, uma cidade habitada por 635 mil pessoas e situada a 800 quilômetros sudeste de Moscou.
(Reportagem de Ludmila Danilova)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters