Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Obama faz declaração sobre Iraque nesta segunda-feira. REUTERS/Kevin Lamarque

(reuters_tickers)

Por Jeff Mason

CHILMARK, Estados Unidos (Reuters) - O presidente norte-americano, Barack Obama, disse que o Iraque tomou um importante passo nesta segunda-feira ao designar um novo primeiro-ministro e pediu a formação de um governo inclusivo para lidar com as necessidades de todos os iraquianos.

"Hoje o Iraque deu um passo promissor para este esforço crucial", disse Obama.

Obama afirmou ter conversado com o premiê designado, Haider al-Abadi, para cumprimentá-lo e que pediu a ele para formar rapidamente um novo gabinete que represente as diferentes comunidades étnicas e religiosas do Iraque.

"Essa nova liderança iraquiana tem uma tarefa difícil", disse Obama. "Precisa recuperar a confiança dos seus cidadãos ao governar de forma inclusiva e tomar medidas para demonstrar a sua determinação."

Obama autorizou na semana passada ataques aéreos no Iraque para proteger norte-americanos na capital curda, Arbil, do Estado Islâmico, um grupo militante fundamentalista sunita que varreu o norte do Iraque, e para assegurar que os membros da seita Yazidi não fossem alvo da sistemática violência rebelde.

Os ataques aéreos realizados até o momento são as primeiras ações militares dos EUA no Iraque desde que o governo Obama completou o processo de retirada das tropas norte-americanas no fim de 2011.

(Reportagem de Jeff Mason, em Chilmark; e de Mark Felsenthal, em Washington)

Reuters