GENEBRA (Reuters) - Uma missão conjunta liderada pela Organização Mundial da Saúde com a China começará seu trabalho de investigação do surto neste fim de semana e se concentrará em como o novo coronavírus está se espalhando e na gravidade da doença, disse o diretor da OMS nesta sexta-feira.

A missão também buscará mais detalhes sobre como, onde e quando os mais de 1.700 profissionais de saúde infectados até agora contraíram o novo vírus.

"Esperamos que a equipe completa chegue no fim de semana", disse o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, a repórteres.

"Será dada especial atenção à compreensão da transmissão do vírus, da gravidade da doença e do impacto das medidas de resposta em andamento."

As autoridades chinesas registraram 5.090 novos casos na China continental na sexta-feira, incluindo mais 120 mortes, elevando o número total de infectados para 63.851, e o número de mortes pela doença, agora chamada COVID-19, para 1.380.

(Reportagem de Stephanie Nebehay, em Genebra, e Kate Kelland, em Londres)

Palavras-chave

Neuer Inhalt

Horizontal Line


Teaser Instagram

Siga-nos no Instagram

Siga-nos no Instagram

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.