Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Aves vistas em fazenda em Hefei, na província chinesa de Anhui. 20/11/2015 REUTERS/Stringer/File Photo

(reuters_tickers)

LONDRES (Reuters) - Há um baixo risco de transmissão da gripe aviária de humano para humano na China, onde um surto da cepa H7N9 está infectando e matando pessoas, disse a Organização Mundial de Saúde (OMS) nesta quarta-feira, apesar de os vírus aviários precisarem de monitoramento constante.

Os surtos de cepas de gripe aviária H5 em aves domésticas e selvagens em toda a Europa, África e Ásia também estão preocupando, disse a OMS.

E, embora o risco humano desses surtos também seja baixo por enquanto, a vigilância é vital, acrescentou a organização.

"A mudança constante é a natureza de todos os vírus da gripe --isso torna a gripe uma ameaça persistente e significativa para a saúde pública", disse Wenqing Zhang, chefe do programa global da gripe da OMS, a repórteres por telefone.

(Por Kate Kelland)

Reuters