Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

CARACAS (Reuters) - A coalizão de oposição da Venezuela se recusou a reconhecer os resultados de uma eleição para governadores no domingo, na qual os socialistas do presidente Nicolás Maduro conseguiram uma maioria surpreendente, aumentando o fantasma da instabilidade política no país.

O chefe de campanha eleitoral da Unidade Democrática, Gerardo Blyde, exigiu uma auditoria completa das 23 eleições de governadores e pediu que seus candidatos liderem "atividades de rua" na segunda-feira em protesto aos resultados.

(Reportagem de Eyanir Chinea)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters