Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

CARACAS (Reuters) - A oposição da Venezuela anunciou nesta segunda-feira uma escalada de protesto contra o governo do presidente Nicolás Maduro, incluindo uma greve nacional de 24 horas no final desta semana e a nomeação de novos juízes da Suprema Corte.

"É momento da hora zero", disse o líder oposicionista Freddy Guevara, em nome da coalizão Unidade Democrática, anunciando a greve para quinta-feira.

Líderes da oposição estão prometendo a "Hora Zero" na Venezuela para demandar uma eleição geral e frear o plano de Maduro de criar um novo órgão legislativo em uma eleição em 30 de julho.

(Reportagem de Alexandra Ulmer e Andrew Cawthorne)

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

Reuters