Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Secretário-geral da Otan, Jens Stoltenberg. 01/02/2017 REUTERS/Yves Herman

(reuters_tickers)

BRUXELAS (Reuters) - O secretário-geral da Otan, Jens Stoltenberg, pediu nesta quarta-feira à Rússia que use sua "influência considerável" com os rebeldes no leste da Ucrânia para acabar com o que ele descreveu como "o pico mais sério de violações" de uma trégua instável na região em um longo período.

Stoltenberg disse a repórteres que o cessar-fogo no leste da Ucrânia foi violado mais de 5.600 vezes nos últimos dias, deixando cerca de 20.000 pessoas sem eletricidade durante um período de frio intenso.

Ele fez um apelo para que seja respeitado o chamado acordo de paz de Minsk para o leste da Ucrânia e pelo cumprimento das medidas-chave que preveem a retirada de armamentos pesado da região.

(Reportagem de Gabriela Baczynska)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters