Reuters internacional

EDIMBURGO (Reuters) - O Partido Conservador, da primeira-ministra britânica, Theresa May, viu sua liderança diminuir um pouco às vésperas das eleições gerais do dia 8 de junho, mas continua à frente dos opositores na preferência do eleitorado, mostrou uma pesquisa de opinião da empresa Opinium neste sábado.

A pesquisa, realizada nos dias 16 e 17 de maio, mostra os conservadores com 46 por cento, um ponto a menos do que a enquete da semana anterior mostrava. Já o Partido Trabalhista aparece com 33 por cento, um a mais do que na semana passada.

O Partido Liberal-Democrata teve 8 por cento na pesquisa, enquanto o Partido da Independência do Reino Unido e o Partido Nacional Escocês apareceram com 5 por cento cada, sem mudanças em relação à pesquisa anterior.

"Embora a liderança dos Tories (conservadores) tenha caído, a lenta taxa de mudança mostra que só em meados de agosto os trabalhistas conseguirão alcançá-los", disse Adam Drummond, chefe de pesquisas políticas na Opinium.

Feita pela internet, a pesquisa ouviu 2.003 britânicos.

Reuters

 Reuters internacional