Reuters internacional

LONDRES (Reuters) - O Partido Liberal-Democrata britânico não entrará em "pactos, acordos nem coalizão" com outras legendas para ajudar a formar um governo após as eleições de quinta-feira, informou a Sky News, citando uma fonte sênior do partido.

Pesquisa de boca de urna mostrou que o Partido Conservador, da primeira-ministra Theresa May, não conseguiu conquistar maioria parlamentar, um resultado surpreendente que levaria a política doméstica a um impasse e poderia atrasar as negociações da saída britânica da União Europeia.

A pesquisa mostrou que os liberais-democratas teriam 14 lugares, dando-lhes potencialmente um papel significativo quando começarem as negociações sobre quem irá formar o próximo governo.

(Reportagem de Andy Bruce)

Reuters

 Reuters internacional