PARIS (Reuters) - A petroleira francesa Total fará uma contribuição de 100 milhões de euros para a reconstrução da catedral de Notre-Dame, em Paris, disse o presidente executivo da companhia Patrick Pouyanne nesta terça-feira.

A promessa da Total soma-se à da família do bilionário empresário Bernard Arnault e seu grupo de produtos de luxo LVMH e de outros magnatas franceses que têm falado em contribuir com recursos para a reconstrução da catedral, que sofreu com um incêndio na véspera.

(Por Bate Felix)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.