Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

LONDRES (Reuters) - A polícia britânica prendeu um homem de 20 anos durante a madrugada na região central de Manchester em conexão com o ataque suicida do mês passado que matou 22 pessoas que assistiam a um show da cantora norte-americana Ariana Grande, informou a polícia nesta quarta-feira.

Até agora a polícia já deteve 20 pessoas, soltou 12 sem apresentar acusações e mantém oito sob custódia. O agressor que realizou o ataque no norte da Inglaterra morreu na explosão.

(Reportagem de David Milliken)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters