Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Marine Le Pen, French National Front (FN) political party leader and candidate for French 2017 presidential election, speaks during a news conference after meeting with Lebanon's Foreign Minister Gebran Bassil in Beirut, Lebanon, February 20, 2017. REUTERS/Mohamed Azakir

(reuters_tickers)

PARIS (Reuters) - A polícia francesa realizava uma operação de busca na sede da Frente Nacional de Marine Le Pen, em Paris, relacionada a uma investigação sobre suposto uso indevido de fundos da União Europeia para pagar assistentes parlamentares, disse à Reuters um funcionário da FN.

"Parece uma operação de mídia cujo objetivo é perturbar o curso da campanha presidencial", disse a Frente Nacional em um comunicado.

O Parlamento Europeu tem dito que, durante a Legislatura de 2011-2012, em seu papel de líder da Frente Nacional Francesa, Marine Le Pen pagou funcionários do partido com fundos da União Europeia. As regras da UE determinam que esses fundos devem ser utilizados apenas para pagar assessores parlamentares.

(Reportagem de Gerard Bon)

Reuters