Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Príncipe William em evento em Londres. 11/1/2017. REUTERS/Matt Dunham/Divulgação

(reuters_tickers)

LONDRES (Reuters) - O príncipe britânico William vai deixar seu trabalho como piloto de helicóptero-ambulância para se concentrar nos deveres oficiais em nome de sua avó rainha Elizabeth, informou seu gabinete nesta sexta-feira.

William, de 34 anos, é o segundo na linha de sucessão ao trono e levará sua família para Londres. Eles atualmente moram em Norfolk, leste da Ingleterra. 

“Após meu período nas forças militares, eu tive experiências neste trabalho que vou levar comigo pelo resto de minha vida, e isso dará uma valiosa perspectiva para minhas funções reais nas décadas que virão”, disse William em comunicado. 

William serviu nas Forças Armadas do Reino Unido de 2006 a 2013, passando depois a operar como piloto de helicóptero de busca e resgate. Ele depois iniciou uma nova carreira como piloto de helicóptero-ambulância perto de sua casa. 

Seu gabinete disse em comunicado que o príncipe deixaria seu trabalho no meio do ano e se mudaria com sua esposa Kate e os filhos George, de 3 anos, e Charlotte, 1 ano, para uma residência oficial de Londres. 

“Como fizeram nos anos recentes, altezas reais devem continuar seus trabalhos oficiais em nome da rainha e para organizações de caridade e causas que apoiam, o que exigirá que passem mais tempo em Londres”, disse o comunicado. 

(Por Michael Holden)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters