Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Maduro faz discurso em Caracas 30/7/2017 Divulgação

(reuters_tickers)

WASHINGTON (Reuters) - A Casa Branca disse nesta segunda-feira que o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, é agora efetivamente um ditador depois de "assumir poder absoluto" por meio do que Washington disse ter sido uma eleição fraudulenta de uma Assembleia Nacional Constituinte.

"Maduro não é apenas um mau líder. Ele é agora um ditador", disse o conselheiro de segurança nacional H.R. McMaster em um briefing a jornalistas.

"As recentes ações culminando com a tomada de poder absoluto ontem por meio de uma eleição fraudulenta da Assembleia Nacional Constituinte representa um golpe muito sério à democracia em nosso hemisfério."

(Reportagem de Ayesha Rascoe e Matt Spetalnick)

Reuters