Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Presidente francês Emmanuel Macron participa de cerimônia em Abidjan, Costa do Marfim 30/11/2017 REUTERS/Philippe Wojazer

(reuters_tickers)

ARGEL (Reuters) - A França não apoia a decisão "unilateral" do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de reconhecer Jerusalém como a capital de Israel e pediu calma em toda a região, disse o presidente Emmanuel Macron nesta quarta-feira.

"Esta é uma decisão lamentável que a França não aprova e vai contra o direito internacional e todas as resoluções do Conselho de Segurança da ONU", afirmou Macron a jornalistas em uma coletiva de imprensa em Argel.

(Reportagem de John Irish em Paris)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters