MOSCOU (Reuters) - O presidente da Rússia, Vladimir Putin, agradeceu a Fifa nesta quarta-feira por separar a política do esporte, um dia antes do início da Copa do Mundo.

A Rússia irá sediar o torneio do dia 14 de junho ao dia 15 de julho em 12 estádios espalhados por cidades incluindo Moscou, São Petersburgo e Sochi.

"Eu queria destacar o compromisso da Fifa com o princípio do esporte sem política", disse Putin, durante evento da Fifa em Moscou, ao lado do troféu da Copa do Mundo.

(Reportagem de Gabrielle Tétrault-Farber)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.