Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Primeiro-ministro da Espanha, Mariano Rajoy, fala com repórteres na Casa Branca, em Washington 26/09/2017 REUTERS/Jonathan Ernst

(reuters_tickers)

BERLIM (Reuters) - O primeiro-ministro espanhol, Mariano Rajoy, disse em entrevista publicada nesta segunda-feira que a Espanha não será dividida, uma semana depois que a Catalunha realizou um referendo que, segundo autoridades catalães, mostrou que a população local apoia majoritariamente a independência da região.

Perguntado se existe risco de a Espanha ser dividida, Rajoy disse em entrevista publicada pelo jornal alemão Die Welt nesta segunda-feira: "Com certeza não. A Espanha não será dividida e a unidade nacional será preservada. Faremos tudo que a legislação permitir para garantir isso".

A Catalunha, que tem seu próprio idioma e cultura e que é liderada por um governo regional pró-independência, realizou no dia 1º de outubro um referendo sobre a separação em desafio à corte constitucional espanhola que considerou a votação ilegal.

(Reportagem de Michelle Martin)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters