Reuters internacional

Presidente do Irã, Hassan Rouhani, durante coletiva de imprensa em Moscou, na Rússia. 28/03/2017 REUTERS/Sergei Karpukhin

(reuters_tickers)

DUBAI (Reuters) - O presidente do Irã, Hassan Rouhani, disse nesta segunda-feira que Teerã irá continuar com seu programa de mísseis balísticos, noticiou a televisão estatal, adotando um tom desafiador após as fortes críticas do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

"A nação iraniana decidiu ser poderosa. Nossos mísseis são para a paz e para a defesa... as autoridades americanas deveriam saber que, quando precisarmos testar um míssil tecnicamente, nós o faremos e não iremos esperar sua permissão", disse Rouhani em uma coletiva de imprensa transmitida ao vivo pela TV estatal.

Rouhani também criticou a Arábia Saudita, arqui-inimiga do Irã, exortando Riad a permitir que seu povo decida o destino do país através de eleições livres.

(Reportagem adicional de Bozorgmehr Sharafedin)

Reuters

 Reuters internacional