DUBAI (Reuters) - O presidente do Irã, Hassan Rouhani, rejeitou nesta quarta-feira uma proposta de um novo acordo para resolver uma disputa nuclear, dizendo que era uma oferta "estranha" e acusando o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de sempre quebrar promessas.

Em discurso televisionado, Rouhani disse ao governo norte-americano para voltar ao acordo de 2015 entre Teerã e as potências mundiais, acrescentando que o Irã poderia reverter suas ações para reduzir seus compromissos sob o pacto.

Ele criticou os países europeus que desencadearam um mecanismo de disputa previsto no acordo, alegando que não cumpriram seus compromissos. Teerã se recusa a negociar um novo acordo enquanto as sanções dos EUA estiverem em vigor.

(Por Parisa Hafezi e Babak Dehghanpisheh)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


Teaser Instagram

Siga-nos no Instagram

Siga-nos no Instagram

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.