Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Bandeira nacional da Síria é vista em Aleppo. 28/11/2016 SANA/Divulgação via REUTERS

(reuters_tickers)

BEIRUTE (Reuters) - O Ministério das Relações Exteriores da Síria alertou nesta quarta-feira a coalizão militar liderada pelos Estados Unidos dos "perigos de escalada", e exigiu o fim de ataques aéreos em território sírio, de acordo com a televisão estatal síria.

A chancelaria síria chamou a coalizão de ilegítima e disse que suas ações serviram apenas para fortalecer o Estado Islâmico. O ministério não disse se estava se referindo aos ataques aéreos contra jihadistas, que a coalizão dos EUA realiza desde 2014, ou a ataques recentes que atingiram forças pró-governo sírio.

O alerta não especifica nenhuma ameaça, mas foi feito horas após uma aliança militar que combate em apoio a Damasco ter ameaçado atacar posições dos EUA na Síria -- uma resposta aos ataques aéreos dos EUA contra forças pró-governo sírio na terça-feira.

(Reportagem de John Davison)

REUTERS PF RBS

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters