Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

WASHINGTON (Reuters) - O secretário do Tesouro dos Estados Unidos, Steve Mnuchin, disse que o plano para "o maior corte de impostos" na história dos Estados Unidos que será divulgado nesta quarta-feira pela Casa Branca reduzirá a taxa de imposto corporativo para 15 por cento, inclusive para pequenas empresas.

"Esse vai ser o maior corte de impostos e a maior reforma tributária da história de nosso país", disse Mnuchin em um fórum de notícias em Washington. Ele disse que há um acordo fundamental entre a administração do presidente Donald Trump e o Congresso sobre os objetivos da reforma tributária, e que os detalhes serão trabalhados.

Separadamente, o presidente da Câmara dos Deputados, Paul Ryan, disse que viu uma "prévia" do plano. "Nós gostamos muito, isso nos coloca na mesma página, estamos de acordo em 80 por cento e sobre os 20 por cento restantes estamos com a mesma disposição", disse Ryan.

(Por Amanda Becker e Ginger Gibson)

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

Reuters