Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

ESTOCOLMO (Reuters) - A Suécia, que ocupa atualmente a Presidência rotativa da União Europeia, disse nesta terça-feira que o Tratado de Lisboa do bloco entrará em vigor em 1o de dezembro.
"Depois de uma longa jornada, o Tratado de Lisboa alcançou o objetivo", disse o governo sueco em comunicado.
"Com a assinatura do presidente tcheco, todos os Estados-membros da UE já ratificaram o texto. O tratado entra em vigor em 1o de dezembro e todos os detalhes devem agora ser postos no lugar".
Em um comunicado separado nesta terça-feira, o primeiro-ministro sueco, Fredrik Reinfeldt, disse que iria pedir uma reunião de países da UE o mais rápido possível.
O presidente tcheco, Vaclav Klaus, que assinou o documento nesta terça-feira, foi o último líder da UE a ratificar o tratado. Isso significa que o bloco de quase meio bilhão de pessoas agora poderá escolher seu presidente para um mandato maior e um representante para as Relações Exteriores.

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

Reuters