Reuters internacional

O ônibus do time alemão Borussia Dortmund, após explosão próxima ao hotel onde os jogadores estavam hospedados. 11/04/2017 Reuters / Kai Pfaffenbach Livepic

(reuters_tickers)

DUESSELDORF, Alemanha (Reuters) - Um homem com antecedentes de militância islâmica foi preso por investigadores alemães que investigam as explosões que atingiram o ônibus da delegação do time de futebol Borussia Dortmund, informou a procuradoria-pública federal da Alemanha nesta quarta-feira.

A procuradoria disse que os investigadores realizaram buscas nos apartamentos de dois suspeitos conhecidos da cena islâmica da Alemanha e decidiu prender um deles.

As autoridades não disseram onde o suspeito foi detido, e acrescentaram que ainda será tomada a decisão de pedir ou não um mandado judicial de prisão.

Segundo os procuradores, pedaços de metal foram usados nos artefatos explosivos detonados no ataque de terça-feira, que feriu um jogador do Borussia. O incidente está sendo tratado como um caso com "antecedentes terroristas".

"O motivo exato para o ataque é incerto no atual momento", disse a Procuradoria em comunicado.

(Reportagem de Matthias Inverardi)

Reuters

 Reuters internacional